Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
O meu caso de sucesso
05/08/2011, 08:59
Resposta: #1
O meu caso de sucesso
Já começa quando resolvi de vez sair dos sistemas operacionais de camelo, não tenho muito "cacau" para adquirir um cd do Tio Bill.

Era técnico em montagem e manutenção de computadores em uma loja, no estado do Pará, mexo com coisas do Tio Bill quase que diariamente, hoje apenas presto serviços uma ou duas vezes no mês para a mesma loja, enquanto eu estava na loja como funcionário efetivo usava o cd de lá para o meu pc que tinha uma licença para esses casos que não sei bem como é. Depois que comecei apenas a prestar serviço, ficou difícil pois veio as obrigações familiares, etc, etc e não sobrava R$ 600,00 para comprar um Gate$ original ai já viu.

Era do camelo, até um dia, em casa chega-me um senhor e pergunta se dava pra eu ir até a casa dele pra ver um PC que estava com problema, fui, chegando lá o PC ainda estava na caixa, perguntei: qual era o problema? Veio o garoto filho dele me dizendo: essa "porcaria veio com esse tal de Linux".

Tirei o PC da caixa conectei os cabos e liguei e o garoto não me deixou falar mais nada dizendo tira, tira isso daí! Expliquei que não estava mais trabalhando na loja e não tinha mais o cd original do Gate$, ele continuou a replicar tem outro ai desse de que o pessoal instala por ai? Tenho disse eu.
Pronto pro garoto eu tinha resolvido um sério problema de computador (kakak).

No final depois de tudo o que o rapaz queria instalado, ele ainda me disse senhor leve essa porcaria pro senhor ou então jogarei fora, se referia ao cd do Ubuntu 7.04 Feisty Fawn; meu primeiro cd do GNU/Linux.

Não usei ele pelo motivo ser parecido com o do garoto, comecei uma pesquisa na net sobre Linux e procurava em sites que falam bem do M$oft, ai já viu.
Até que montei um pequeno cyber em casa, e um usuário veio usar com seu pen drive na mão e eu ocupado disse que as maquinas estavam ligadas, assentou-se na primeira e uns 10 segundos depois me disse que a maquina estav com problema e eu disse a ele vá pra outra e foi o que ele fez, de novo a mesma informação a maquina estava com problema, dei uma olhada e tela estava totalmente azul, era a segunda do mesmo jeito, disse novamente a ele, tente na outra "puf" o mesmo problema das outras duas, achei estranho, parei o que estava fazendo e espetei o pen drive dele na maquina que era o servidor do cyber e fiz uma verificação no pen drive e o anti começou a bipar infinitamente. Deixei terminar, retirei o pen drive e disse que não seria possível o acesso, pois eu não poderia ficar sem a unica maquina que ainda estava funcionando.

Nesse meio tempo entre o garoto do Feisty Fawn e o senhor do pen drive, ainda existia shiplt ou algo parecido da canonical e fiz um pedido de um cd do ubuntu (vocês já devem estar se perguntando e o que o Debian tem haver com isso tudo, calma) e depois do ocorrido com o pen drive "matador de gate$" disse pra mim mesmo vou ver se o Linux é isso tudo que falam, não pega vírus mesmo.

Instalei o Maverick Meerkat, fui agraciado com segurança desde então, pesquisei muito sobre o GNU/Linux em um fórum li que o Debian é Debian, porém é o mais difícil de lidar, disse vou desafiar ele http://www.forumdebian.com.br/topico-res...an-squeeze

E desde essa solução cá está o Debian sem maiores problemas, nota-se isso pela minha frequência no fórum.

Tenho ele em uma maquina apenas, que ficou como "servidor" do meu cyber. Sou ciumento (kakak)

T+ pessoal!

Paulo Corrêa.
Nada é tão difícil que, à força de tentativas, não tenha resolução (Terêncio)
Visitar o website do usuário Encontrar todas as respostas deste usuário
Citar esta mensagem em uma resposta
Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes

Entre em Contato | Fórum Debian | Voltar ao Topo | Voltar ao Conteúdo | Modo Leve (Arquivo) | Feeds RSS